O Curso de Ciências Ambientais tem perfil interdisciplinar, por meio da parceria de diferentes unidades acadêmicas: Centro de Desenvolvimento Sustentável (CDS), Departamento de Economia (ECO), Instituto de Ciências Biológicas (IB), Instituto de Geociências (IG) e Instituto de Química (IQ). Trata-se de um curso noturno, com 40 vagas discentes.

O profissional formado por este curso de graduação deverá ter capacidade de avaliar, caracterizar e diagnosticar diferentes problemas ambientais e propor medidas mitigadoras, além de planejar e manejar recursos naturais de forma sustentável. A visão interdisciplinar deverá ser a característica central de formação, permitindo ao egresso a condução de trabalhos em equipes multidisciplinares.

O Bacharel em Ciências Ambientais deve ter uma formação generalista em diversos campos das Ciências Ambientais, sendo-lhe oportunizada a formação mais aprofundada em pelo menos uma das quatro cadeias de seletividade propostas, com o objetivo de instrumentalizá-lo para atuar na área com a proposição de abordagens criativas para a solução de problemas ambientais.

As opções de carreira incluem planejamento, gestão e regulação ambiental no setor privado e público e organizações não-governamentais, mediação e resolução de conflitos ambientais, além de consultorias. O grande número de segmentos profissionais que pode potencialmente contratar analistas ambientais mostra que se trata de um mercado de trabalho aberto e em constante transformação. Outro aspecto relevante é o fato de as projeções indicarem que se trata de um mercado de trabalho em expansão e com forte tendência de maior ampliação no futuro.

Saiba mais informações sobre o currículo da habilitação de Ciências Ambientais CLICANDO AQUI.

 

Coordenador do Curso: Prof. Pedro Henrique Zuchi da Conceição

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Contato: (61) 3107-7854